Reggae Music Festival leva multidão à Piatã

18/09/2012 15:44

 

O mega-evento Reggae Music Festival reuniu milhares de fãs do ritmo jamaicano no sábado dia 01/09, em Piatã (BA).

Foram 12 horas de muito reggae, paz e vibrações positivas, com destaque para o show das bandas Groundation e The Abyssinians.

O Reggae Music Festival foi o evento do ano de 2012. As vibrações positivas das 12 atrações contagiaram o público que lotou o espaço do evento, na Praia de Piatã, em Salvador (BA) no sábado dia 1° de setembro.

O festival começou pontualmente às 17hs com o show da banda Zimbabwe Roots, de Lauro de Freitas. O cantor baiano Edy Vox mostrou que com 20 anos de carreira, sabe como misturar vários ritmos numa só pegada do reggae roots e botar o público para dançar.

O reggae baiano continuou a agitar toda a platéia nas apresentações das bandas Diamba e Scambo.

Outro baiano da velha guarda, Adão Negro apresentou canções do novo CD "Mais Forte" e relembrou sucessos do rei Bob Marley, sendo uma das bandas mais aplaudidas da noite.

O festival seguiu com a irreverência dos paulistanos da Leões de Israel por volta das 21h, quando o público já lotava a pista e o camarote do festival.
    



Grande público prestigiou o evento

 



A primeira atração internacional a se apresentar foi o grande Geoffrey Chambers, britânico radicado na Bahia.

O show de Geoffrey Chambers contou com a participação especial de Edy Vox, que fez uma justa homenagem ao ex-percussionista da Banda Adão Negro, o vovô do reggae Dino Cerqueira, que partiu para Zion no final do mês passado (dia 31/07) .
The Abyssinians fui uma das atrações mais aguardadas
    

O jamaicano Siddy Ranks tocou em seguida e agitou muito o público, tocando vários de seus sucessos e colocando todos para dançar.

Então veio o ponto alto do festival, com a banda californiana Groundation e os jamaicanos do Abyssinians, as duas atrações mais aguardadas pelo público.

O Groundation começou sua apresentação no início da madrugada, tocando sucessos como "Babylon Rule Dem", "Freedom Taking Over" e "We Free Again", dentre outras.

Os jamaicanos Bernard Collins, Donald Manning e David Morrison dos Abyssinians vieram logo em seguida, e levaram a platéia à loucura com o hino do reggae "Satta Massagana", além dos clássicos "Declaration Of Rights", "Know Jah Today", "Abendigo" e muitos outros.

Na sequência, quem subiu ao palco foram os paulistanos da banda Mato Seco, hipnotizando a todos com seus sucessos e suas letras contundentes.

Fechando a noite do festival com chave de ouro, os alagoanos da banda Vibrações tocaram muito reggae roots, deixando saudades e um gostinho de quero mais.



    

 

2leep.com
comments powered by Disqus
Voltar